Sou daquelas pessoas que, quando quer, vai lá e faz! Eu me viro mesmo, sem crise. Coloco lustre, prendo persiana na parede e não tenho medo de furadeira. Só não me peça para trocar o gás: morro de medo! Também sou do tipo de doida que tem um surto de mudança radical e decide assim, do nada, que tem que pintar o cabelo. Aí eu vou e mudo a cor. Não, você não entendeu. Eu vou até o banheiro de casa e pinto! Também faço luzes e corto. Sozinha. Acredito definitivamente que DIY é tudo: se tem como gastar menos, “bora”! Uma vez, cansei do bufê da sala e resolvi que ele devia ser amarelo. Comprei tinta, fui lá e repaginei o móvel.

E este espaço é para falar sobre isso. Sobre coisas que você acha que nunca vai conseguir fazer, mas que são fáceis, fáceis. E se não deu certo da primeira vez, sem crise, tudo bem. Não há nada neste mundo que não pode ser mudado ou melhorado.

Quer falar comigo? Estou no Facebook, no Instagram e no e-mail – modéstia parte, sou superlegal!